Repositório Institucional POSITIVO Universidade Positivo Tese Programa de Pós-Graduação em Gestão Ambiental
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.cruzeirodosul.edu.br/jspui/handle/123456789/1852
Tipo: Tese
Título: Avaliação integrada de sustentabilidade hídrica em bacias hidrográficas com forte pegada urbana
Autor(es): Silva, Juvancir da
Primeiro Orientador: Rauen, William Bonino
metadata.dc.contributor.referee1: Rauen, William Bonino
metadata.dc.contributor.referee2: Andreoli, Cleverson V.
metadata.dc.contributor.referee3: Fernandes, Valdir
metadata.dc.contributor.referee4: Dziedzic, Maurício
metadata.dc.contributor.referee5: Limont, Marcelo
Resumo: O preceito do desenvolvimento sustentável tem sido incorporado as diretrizes e práticas de gestão pública e de recursos naturais. Isto é visto na Política Nacional de Recursos Hídricos e no conjunto dos respectivos instrumentos de gerenciamento, que buscam subsidiar a gestão das águas em um contexto de desenvolvimento econômico e territorial brasileiro cada vez mais urbano. Contudo, a tomada de decisão associada à promoção da sustentabilidade hídrica está sujeita a incertezas e erros oriundos, por um lado, da capacidade atual de compreensão dos sistemas socioambientais e de sua temporalidade, complexidade e multidimensionalidade; e, por outro, da necessidade de representação de aspectos chaves destes sistemas por meio de dados e informações. Essa representação frequentemente é feita com o apoio de índices e indicadores, mas é necessário, primeiro, ter segurança quanto a “o quê” está sendo indicado, para que sejam considerados os aspectos relevantes de um cenário em análise, bem como relações de causa-efeito entre tais aspectos e os limites de resiliência dos sistemas ecológicos e socioeconômicos. Neste contexto, esta tese teve como objetivo geral a proposição de um modelo conceitual e de indicadores para avaliações da sustentabilidade hídrica no âmbito da bacia hidrográfica com forte pegada urbana. O objetivo específico foi aplicar tal modelo, a título de teste e diagnóstico, à região de abrangência do Comitê das Bacias do Alto Iguaçu e Afluentes do Alto Ribeira (COALIAR), na região metropolitana de Curitiba, no Paraná. A análise de conteúdo foi empregada para elaborar uma estrutura analítica da gestão integrada de recursos hídricos com vistas à promoção do desenvolvimento sustentável sob a ótica dos capitais social, natural e construído. Para cada capital, foram identificadas categorias, subcategorias e atributos de análise aos quais foram associados indicadores. Em relação ao capital social, destacou-se a necessidade de monitorar e analisar, sistemas de informações, relações humanas, capacidade de trabalho e capacidade institucional. Em relação ao capital natural, o modelo inclui a disponibilidade hídrica e a intensidade de usos, por meio da análise de aspectos que impactam na qualidade, quantidade e na capacidade de restauração dos recursos hídricos. Quanto ao capital construído foram considerados aspectos de infraestrutura requerida para atender as necessidades antrópicas e prevenir impactos nos recursos hídricos decorrentes dos usos. Visando o uso prático do modelo em estudos de diagnóstico e prognóstico da sustentabilidade hídrica, foram definidos critérios e faixas de valoração para um elenco de indicadores selecionados a partir de publicações técnicas e científicas. Como subprodutos, a tese apresenta um índice para análises da sustentabilidade hídrica e sub índices para seus principais aspectos constituintes, um modelo conceitual para análises do desenvolvimento sustentável, critérios para a seleção de indicadores de desenvolvimento sustentável e um diagnóstico da sustentabilidade hídrica na região de abrangência do COALIAR. Esse diagnóstico apontou um nível intermediário de sustentabilidade hídrica, destacando a necessidade de priorização de investimentos voltados a mitigar, especialmente, o comprometimento da resiliência ecossistêmica e da capacidade infraestrutural de saneamento.
Abstract: O preceito do desenvolvimento sustentável tem sido incorporado as diretrizes e práticas de gestão pública e de recursos naturais. Isto é visto na Política Nacional de Recursos Hídricos e no conjunto dos respectivos instrumentos de gerenciamento, que buscam subsidiar a gestão das águas em um contexto de desenvolvimento econômico e territorial brasileiro cada vez mais urbano. Contudo, a tomada de decisão associada à promoção da sustentabilidade hídrica está sujeita a incertezas e erros oriundos, por um lado, da capacidade atual de compreensão dos sistemas socioambientais e de sua temporalidade, complexidade e multidimensionalidade; e, por outro, da necessidade de representação de aspectos chaves destes sistemas por meio de dados e informações. Essa representação frequentemente é feita com o apoio de índices e indicadores, mas é necessário, primeiro, ter segurança quanto a “o quê” está sendo indicado, para que sejam considerados os aspectos relevantes de um cenário em análise, bem como relações de causa-efeito entre tais aspectos e os limites de resiliência dos sistemas ecológicos e socioeconômicos. Neste contexto, esta tese teve como objetivo geral a proposição de um modelo conceitual e de indicadores para avaliações da sustentabilidade hídrica no âmbito da bacia hidrográfica com forte pegada urbana. O objetivo específico foi aplicar tal modelo, a título de teste e diagnóstico, à região de abrangência do Comitê das Bacias do Alto Iguaçu e Afluentes do Alto Ribeira (COALIAR), na região metropolitana de Curitiba, no Paraná. A análise de conteúdo foi empregada para elaborar uma estrutura analítica da gestão integrada de recursos hídricos com vistas à promoção do desenvolvimento sustentável sob a ótica dos capitais social, natural e construído. Para cada capital, foram identificadas categorias, subcategorias e atributos de análise aos quais foram associados indicadores. Em relação ao capital social, destacou-se a necessidade de monitorar e analisar, sistemas de informações, relações humanas, capacidade de trabalho e capacidade institucional. Em relação ao capital natural, o modelo inclui a disponibilidade hídrica e a intensidade de usos, por meio da análise de aspectos que impactam na qualidade, quantidade e na capacidade de restauração dos recursos hídricos. Quanto ao capital construído foram considerados aspectos de infraestrutura requerida para atender as necessidades antrópicas e prevenir impactos nos recursos hídricos decorrentes dos usos. Visando o uso prático do modelo em estudos de diagnóstico e prognóstico da sustentabilidade hídrica, foram definidos critérios e faixas de valoração para um elenco de indicadores selecionados a partir de publicações técnicas e científicas. Como subprodutos, a tese apresenta um índice para análises da sustentabilidade hídrica e sub índices para seus principais aspectos constituintes, um modelo conceitual para análises do desenvolvimento sustentável, critérios para a seleção de indicadores de desenvolvimento sustentável e um diagnóstico da sustentabilidade hídrica na região de abrangência do COALIAR. Esse diagnóstico apontou um nível intermediário de sustentabilidade hídrica, destacando a necessidade de priorização de investimentos voltados a mitigar, especialmente, o comprometimento da resiliência ecossistêmica e da capacidade infraestrutural de saneamento.
Palavras-chave: Gestão ambiental
Sustentabilidade
Bacias hidrográficas urbanas
CNPq: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS
CNPQ::ENGENHARIAS::ENGENHARIA SANITARIA
Idioma: por
País: Brasil
Editor: Universidade Positivo
Sigla da Instituição: UP
Departamento: Pós-Graduação
Programa: Programa de Pós-Graduação em Gestão Ambiental
Citação: SILVA, Juvancir da. Avaliação integrada de sustentabilidade hídrica em bacias hidrográficas com forte pegada urbana. Orientador: William Bonino Rauen. 2017. 256 f. Tese (Doutorado em Gestão Ambiental) – Universidade Positivo, Curitiba, 2017.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: https://repositorio.cruzeirodosul.edu.br/handle/123456789/1852
Data do documento: 2017
Aparece nas coleções:Programa de Pós-Graduação em Gestão Ambiental

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Juvancir Silva 2017.pdfTese2.68 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.