Repositório Institucional POSITIVO Universidade Positivo Dissertação Programa de Pós-Graduação em Gestão Ambiental
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.cruzeirodosul.edu.br/jspui/handle/123456789/2319
Tipo: Dissertação
Título: Elaboração de ferramenta de avaliação para auditorias ambientais
Autor(es): Andrade, Tereza Cristina Silveira de
Primeiro Orientador: Alberti, Sandra Mara
Primeiro coorientador: Sautter, Klaus Dieter
Resumo: O conceito de Auditoria Ambiental Compulsória engloba a realização de avaliações e estudos destinados a verificar o cumprimento das normas legais ambientais em vigor. De uma forma resumida, a Auditoria acontece considerando as seguintes etapas: avaliação da empresa, preparação para a Auditoria, reunião de abertura, inspeção nos registros e documentos, inspeção de campo, entrevistas, reunião de encerramento e registro das evidências em um relatório de Auditoria. A criação da ferramenta para elaboração da Auditoria Ambiental é baseada na Lei Estadual n° 13448 de 11 de janeiro de 2002 e no Decreto Estadual n° 2076 de 07 de novembro de 2003 sobre Auditoria Ambiental Compulsória do Estado do Paraná. Como aspecto relevante deste trabalho, encontra-se a possibilidade de criação de uma homogeneidade na conduta do processo da auditoria. O objetivo é tornar possível a realização da auditoria por auditores com formação diversa, dentro de um processo padronizado e permitir assim que tipologias industriais diversas sejam avaliadas de forma sistemática, completa e satisfatória. Para escolha das empresas a serem aplicadas a ferramenta, levou-se em consideração uma pesquisa realizada pela empresa Marplan – Representações e Pesquisas – sobre quais segmentos industriais causavam mais prejuízos ao meio ambiente nas cidades de São Paulo, Rio de Janeiro, Salvador e Porto Alegre. Como resultado da pesquisa, a indústria química representou 56% a indústria de extração e refinamento de petróleo representou 22% e a indústria têxtil e de produtos de limpeza representou 9%. A partir deste resultado, a ferramenta foi submetida a quatro setores produtivos distintos, a saber: indústria de cosméticos, indústria de fertilizantes, indústria de metal mecânica e indústria de produção de papel e celulose. Foram aplicadas 5 versões da ferramenta para Auditoria Ambiental, distribuídas deste modo: 1ª versão – uma indústria de cosméticos, 2ª versão – duas indústrias de papel e celulose, 3ª versão – duas industrias de fertilizantes, 4ª versão – duas industrias de metal-mecânica e 5ª versão – uma indústria de cosméticos. Finalmente, a sexta versão foi criada depois de ser validada por três auditores independentes. Esta última versão foi considerada a versão consolidada da Ferramenta para Auditoria Ambiental.
Abstract: The concept of Compulsory Environmental Audit can be understood as the carrying out of evaluations and studies in order to verify the fulfillment of environmental laws and regulations. In summary, the following stages are considered in an audit: company evaluation; preparation; opening meeting; data collection; registering and document inspection; field inspection; interviews; closing meeting; evidence reporting. The creation of a tool for the elaboration of an environmental audit is based on a State Law of Paraná – Brazil number 13448 published on January 11, 2002 and the State Edict number 2076 published on November 7, 2003 both about Compulsory Environmental Audit in the State of Paraná. As a relevant issue of this work it is considered the possibility of creation of a homogeneous audit conduction process. The objective of this work is to make possible that auditors with diferente academic formation may use a simple tool for the audit process. In this way, it will be also possible that diferente kinds of industries may use a single tool that randomizes the audit process. In order to apply this audit tool, industries considered the most polluant by the population were selected. This population inquiring, made by “Marplan – Representações e Pesquisa”, was performed in large cities such as São Paulo, Rio de Janeiro, Salvador and Porto Alegre, in order to asses what industries caused the worst environmental polluation. The chemical industry was responsible for 56% of the answers, followed by the oil refineries (22%) and textile plus cleaning products (9%). From these results, the audit tool was applied to four distinct groups of industries: cosmetic industry, fertilzer industry, metal mechanics industry and paper and pulp industry. Five versions of the audit tool were applied, distributed this way: 1^st- one cosmetic industry; 2^nd – two pulp and paper industries; 3^rd- two fertilizer industries; 4^th - two metal-mechanics industries and 5^th - one cosmetic industry. Finally, a sixth version was created after it had been validated by three independente auditors. This final version was considered the consolidated version of the audit tool.
Palavras-chave: Auditoria ambiental
Gestão ambiental
Politica ambiental
CNPq: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS
CNPQ::ENGENHARIAS::ENGENHARIA SANITARIA
Idioma: por
País: Brasil
Editor: Universidade Positivo
Sigla da Instituição: UP
Departamento: Pós-Graduação
Programa: Programa de Pós-Graduação em Gestão Ambiental
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: https://repositorio.cruzeirodosul.edu.br/handle/123456789/2319
Data do documento: 2006
Aparece nas coleções:Programa de Pós-Graduação em Gestão Ambiental

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Tereza Cristina Andrade.pdfDissertação3.53 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.