Repositório Institucional POSITIVO Universidade Positivo Tese Programa de Pós-Graduação em Administração
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.cruzeirodosul.edu.br/jspui/handle/123456789/2796
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.creatorCicmanec, Édna Regina-
dc.date.accessioned2021-09-21T20:56:08Z-
dc.date.available2014-
dc.date.available2021-09-21T20:56:08Z-
dc.date.issued2014-
dc.identifier.urihttps://repositorio.cruzeirodosul.edu.br/handle/123456789/2796-
dc.description.abstractThis study aims to assess the participation of the national representative association of Management (consisting of twenty-six regional councils of administration in each Brazilian state including the Federal District entitled CFA /CRAs system), on jurisdictional dispute of the profession in Brazil. The analysis sets a starting review on theoretical basis supported by the sociological approach of professions, which nowadays presents the best database to the referred assessment on the professional phenomenon, complemented by studies in the field of administration. These studies are conspicuous by their reconstruction of elements described in the constitution, the development of Management attributions and consequent recognition as a profession. The research sought to assess the way actions developed by the CFA /CRAs system contributed to the jurisdictional dispute of the occupation in the country. In the approach proposed by Abbott (1988), the jurisdictional dispute corresponds to professional and competitive intelligence in the job market among occupations that aim to exercise the exclusive domain over the same set of activities. The study that contemplates a historical qualitative approach of exploratory descriptive nature with a longitudinal cut was developed from two separate axes. The first had as main objective the historical recovery of three further categories, which together provide a broader assessment of the phenomenon: socio-historical context; Statute of Management and National Representative Association. The second has excelled in the evaluation of the actions promoted by the CFA/CRAs system which support the profession intermingling three other analytical categories: Knowledge system, Social Structure and Professional Boundaries, which, according to Abbott (1988) are directly responsible for the maintenance of the acting space (jurisdiction) of a profession. The primary and secondary database used in the investigation was composed of a vast amount of physical and digital documents (laws, regulations, resolutions, newsletters, manuals, codes of ethics, magazines, publications, reports among others) complemented by personal interviews, questionnaires and statements online, in addition to the bibliography used in the composition of the additional categories. The method of evaluation used in Historical Research with a focus on Traditional Historiography and the Technique of Content Analysis of Bardin (1977) were employed for treatment and analysis of the data. As main results, the research concluded that the set of actions undertaken by the CFA/CRAs system for the profession of Management in Brazil has contributed positively to the activity. However, these actions appeared to be still inadequate when assigned in greater legitimacy to the knowledge system of the profession, a better social structuring of its members and a more effective protection of their professional limits. Non-compliance may in part be linked to the occurrence of other factors, that when analyzed together with focus directly on the allocation of a greater cultural legitimacy to the occupation affects its ability to defend itself from other interested professions who invest on their jurisdictional space, consequently determining its status in the Brazilian professional system.pt_BR
dc.languageporpt_BR
dc.publisherUniversidade Positivopt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.subjectProfissõespt_BR
dc.subjectManagementpt_BR
dc.subjectDisputa jurisdicionalpt_BR
dc.subjectSistema CFA/CRAspt_BR
dc.titleA disputa jurisdicional do management como profissão no contexto brasileiro: uma reflexão da participação do sistema CFA/CRASpt_BR
dc.typeTesept_BR
dc.creator.Latteshttp://lattes.cnpq.br/4999171385385853pt_BR
dc.contributor.advisor1Nogueira, Eloy Eros da Silva-
dc.contributor.advisor1Latteshttp://lattes.cnpq.br/0151793073074667pt_BR
dc.description.resumoO objetivo inicial deste estudo consiste em avaliar a participação da associação representativa nacional do Management (composta pelos vinte e seis Conselhos Regionais de Administração de cada estado brasileiro mais o Distrito Federal intitulada Sistema CFA/CRAs), na disputa jurisdicional da profissão no Brasil. A partir de uma fundamentação teórica sustentada pela abordagem sociológica das profissões, a qual apresenta na atualidade os melhores subsídios à avaliação do fenômeno profissional, complementada por estudos do campo da Administração, que primam pela recomposição de aspectos inerentes à constituição e desenvolvimento do Management e seu reconhecimento como profissão, buscouse avaliar como as ações desenvolvidas pelo Sistema CFA/CRAs contribuíram para a disputa jurisdicional da profissão no país. Na abordagem proposta por Abbott (1988), a disputa jurisdicional corresponde à concorrência profissional e interprofissional entre ocupações que almejam exercer o domínio exclusivo sobre um mesmo conjunto de atividades. O estudo que contempla uma abordagem histórico-qualitativa de natureza exploratória descritiva com corte longitudinal foi desenvolvido a partir em dois eixos distintos. O primeiro teve como objetivo principal a recomposição histórica de três categorias suplementares, que juntas proporcionam uma avaliação mais ampla do fenômeno: Contexto Sócio Histórico; Estatuto do Management e Associação Representativa Nacional. O segundo primou pela avaliação das ações promovidas pelo Sistema CFA/CRAs em prol da profissão e transcorrendo por meio de outras três categorias analíticas: Sistema de Conhecimentos, Estrutura Social e Fronteiras Profissionais, as quais, segundo Abbott (1988) são diretamente responsáveis pela manutenção do espaço de atuação (jurisdição) de uma profissão. A base de dados primários e secundários empregada na investigação foi composta por uma vasta quantidade de documentos físicos e digitais (leis, normas, resoluções, boletins, manuais, códigos de ética, revistas, publicações, reportagens entre outros) complementada por entrevistas pessoais, questionários e depoimentos on-line, além da bibliografia empregada na composição das categorias suplementares. No tratamento e análise dos dados foram empregados o método de avaliação utilizado na Pesquisa Histórica com foco na Historiografia Tradicional e a Técnica de Análise de Conteúdo de Bardin (1977). Como principais resultados a investigação concluiu que o conjunto de ações empreendidas pelo Sistema CFA/CRAs em prol da profissão do Management no Brasil contribuiu positivamente para a atividade. Entretanto, estas ações mostraram-se ainda inadequadas à atribuição de uma maior legitimidade ao sistema de conhecimentos da profissão, uma melhor estruturação social de seus membros e uma proteção mais eficaz de suas fronteiras profissionais. A não adequação pode, em parte, estar vinculada a ocorrência de outros fatores, que conjugados aos primeiros incidem diretamente sobre a atribuição de uma maior legitimidade cultural à profissão afetando sua capacidade de defender-se de outras ocupações pretendentes que investem sobre seu espaço jurisdicional, consequentemente seu status no sistema de profissões brasileiro.pt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.departmentPós-Graduaçãopt_BR
dc.publisher.programPrograma de Pós-Graduação em Administraçãopt_BR
dc.publisher.initialsUPpt_BR
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ADMINISTRACAOpt_BR
Aparece nas coleções:Programa de Pós-Graduação em Administração

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
EDNA REGINA CICMANEC.pdfTese2.26 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.