Repositório Institucional UNIFRAN Dissertações Mestrado em Linguística
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.cruzeirodosul.edu.br/jspui/handle/123456789/726
Tipo: Dissertação
Título: O discurso sobre a sexualidade e a maturidade na comunidade virtual maisde50: (re)construindo identidades para os enta
Título(s) alternativo(s): The discourse about sexuality and maturity in the virtual community of over 50: (re) constructing identities for their "fifties"
Autor(es): Antônio, Dalva Kellen Dizaró Rafael
Primeiro Orientador: Momesso, Maria Regina
metadata.dc.contributor.referee1: Ferreira, Luzmara Curcino
metadata.dc.contributor.referee2: Figueiredo, Maria Flávia
Resumo: A maturidade é, para muitos, a fase da vida em que os sujeitos atingem o estágio completo de desenvolvimento humano. A ela atribuem-se diversos nomes: melhor idade, boa idade, feliz idade, entre outros. Um discurso presente no senso comum compreende a maturidade como velhice, momento em que o sujeito se encontra em declínio quanto às atividades sexuais, profissionais, culturais e sociais, tornando-se um peso para a sociedade. O site Maisde50 entende que a maturidade engloba as pessoas com idade a partir dos 50 anos e que este momento possui implicações próprias de ordem biológica, psíquica, social e cultural, que precisam ser discutidas e orientadas por profissionais para que se alcance mais qualidade de vida. E a partir desse raciocínio propõe-se a ser uma rede social que promove a integração e o intercâmbio entre as pessoas que chegaram aos enta, com o intuito de fortalecer as trocas afetivas. Diante do exposto, esta pesquisa tem por objetivo analisar as práticas discursivas sobre a sexualidade e a maturidade na comunidade virtual Maisde50, com o intuito de verificar quais identificações e identidades são construídas ou (re)significadas para aqueles que se encontram acima dos 40 anos, uma vez que muitos dos seus usuários encontram-se entre os 40 e os 50 anos. O corpus de análise compõe-se dos e-textos e comentários acerca das matérias de duas editorias do site: Sexualidade e Maturidade, emitidos por seus frequentadores e coletados no período de abril de 2010 a dezembro de 2011. O referencial teórico-metodológico centra-se na perspectiva discursiva francesa, derivada de Michel Pêcheux, e nos estudos de Foucault sobre ordem do discurso, formação discursiva, sujeito e tecnologias de si. Recorre-se ainda a outros autores da área do discurso, como Gregolin e Orlandi. Para as questões sobre sexualidade, Prata e Revel, e o historiador Stearns. Nas questões da maturidade e sociedade atual, Bauman, Freitag, Lloret, Neri e Sobrinho. No que tange às redes sociais e à comunidade, Bauman, Castells, Hall, Lemos, Lévy, Primo, Recuero, Tomaél e Ugarte. Os resultados demonstram que as práticas discursivas dos usuários do site apontam-os como pessoas maduras, conscientes da fase complexa em que se encontram e das vicissitudes dela decorrentes, tais como a solidão, a baixa autoestima e a sensação de inutilidade e incapacidade. Mas ainda permitem perceber que todo ser que envelhece é capaz de modificar essas condições. Assim, o site trabalha com discursos informativos – aos olhos dos usuários, esclarecedores e promotores da elevação da autoestima das pessoas nos enta. Portanto, suas práticas discursivas parecem promover um apagamento do discurso do velho como um ser inativo, assexuado e à margem da sociedade. Em substituição a esse discurso, tem-se um trajeto temático que aborda a maturidade e a sexualidade nesta fase a partir de um viés positivo, saudável, permitindo aos usuários (re)significarem a sua identidade no sentido de se sentirem mais ativos, úteis, felizes e capazes de viver intensamente sua sexualidade.
Abstract: For many maturity is the period of life in which people achieve the complete stage of human development. Some take it as a synonym of wisdom, and for others, maturity is the period of life when you are older. This stage can be called: third age, best age, good age, happy age, among others. The web site “Maisde50” understands maturity as the period of life in which people are over 50 years old and that this period has biological, psychological, social and cultural implications that need to be discussed and guided by professionals in order to have a better and high quality life. It is known that when it comes to aging or more specifically the "elderly" we have the idea of an inactive period and sometimes the person is useless in society. The discourse of common sense is that it is a period when the subject is declining for sexual, professional and social activities, making him almost a burden to society. From this point of view the site aims to be a social network that promotes the integration and exchanging between mature people, in order to strengthen the emotional exchanges. Given the above, this research aims to analyze the discursive practices about sexuality and maturity in the virtual community of the “over 50” in order to check what identifications and identities are constructed or (re)meant for those who are aged over 50. The corpus of analysis consists of etexts, Sexuality and Maturity editorial comments on the site www.maisde50.com.br from July 2010 to September 2011. The theoretical and methodological reference focus on the French discursive perspective, specifically in studies of Foucault about the order of discourse, discursive formation, subject and other technologies. We also resort to other authors such as: in the field of discourse Gregolin and Orlandi; in the field of sexuality: Silver, Revel and Stearns; in the field of maturity: Bauman; Freitag, Lloret, Neri and Sobrinho; and regarding social networks and community Bauman, Castells, Hall, Lemos, Levy, Cuz Recuero, Tomaél and Ugarte. Preliminary results show that the discursive practices of the site users pose them as people who recognize themselves as mature; however, they feel in a very complex period in which the problems are difficult to solve, such as loneliness, low self-esteem, sense of worthlessness, ignorance of their vital capacity and virility. So the etexts of Sexuality and Maturity editorial work with an informative speech, illuminating and promoting of the increase of self-esteem of people in their “fifties”. Site users identify themselves and seem to (re)signify their identities in the sense of feeling more active, useful, happy and able to live fully their sexuality and deconstructing the image of inactive people, asexual and on the margins of society.
Palavras-chave: Maturidade
Sexualidade
Práticas discursivas
Redes sociais
CNPq: CNPQ::LINGUISTICA, LETRAS E ARTES::LINGUISTICA
Idioma: por
País: Brasil
Editor: Universidade de Franca
Sigla da Instituição: UNIFRAN
Departamento: Pós-Graduação
Programa: Programa de Mestrado em Linguística
Citação: ANTÔNIO, Dalva Kellen Dizaró Rafael. O discurso sobre a sexualidade e a maturidade na comunidade virtual Maisde50: (re)construindo identidades para os enta. Franca, 2012. 95 f. Dissertação (Mestrado em Linguística) - Universidade de Franca. 2012.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: https://repositorio.cruzeirodosul.edu.br/handle/123456789/726
Data do documento: 13-Mar-2012
Aparece nas coleções:Mestrado em Linguística

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dalva Kellen Dizaro Rafael Antonio.pdf2.04 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.