Repositório Institucional UNIFRAN Dissertações Mestrado em Promoção de Saúde
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.cruzeirodosul.edu.br/jspui/handle/123456789/952
Tipo: Dissertação
Título: Informações sobre métodos contraceptivos por universitários
Título(s) alternativo(s): Information on contraceptive methods by university students
Autor(es): Bicalho, Elizaine Aparecida Guimarães
Primeiro Orientador: Cano, Maria Aparecida Tedeschi
metadata.dc.contributor.referee1: Santos, Branca Maria de Oliveira
metadata.dc.contributor.referee2: Silva, Edileusa da
Resumo: A preocupação com a contracepção e o controle da natalidade é antiga, porém somente a partir da década de 1960 foi possível contar com métodos eficazes. A população de adolescentes e jovens representa um grupo de grande expressividade populacional, necessita de ações efetivas das instituições sociais e das políticas públicas, de forma que minimizem sua vulnerabilidade às Doenças Sexualmente Transmissíveis, gravidez e paternidade precoce, assegurando-lhes proteção e atenção integrada. Apesar do acesso à informação, e da disseminação dos métodos de contracepção entre os jovens, é comprovado que estes ainda não abrangem toda esta população, fato observado pelo não uso ou uso inadequado, justificado por eles pela vida sexual ocasional, pela falta de planejamento da conduta sexual, pela informação incorreta e pelo receio de assumir sua sexualidade. O objetivo desse estudo foi identificar as informações entre universitários de uma faculdade do interior de Minas Gerais, sobre métodos contraceptivos. Tratou-se de um estudo descritivo realizado a partir da aplicação de um questionário elaborado pelos pesquisadores. Para a análise estatística dos dados, estes foram transportados para o programa Excel for Windows e posteriormente submetidos à análise descritiva, através de porcentagem simples, tabelas e gráficos. Participaram do estudo 301 Universitários de ambos os sexos. Observou- se que o inicio da atividade sexual aconteceu entre os 16 e 18 anos para 45,8% deles. A principal fonte de informações sobre métodos contraceptivos foi a escola para 15,7% dos respondentes, seguida pelos amigos e televisão em 14,5% das respostas e pelas mães 13,3%. Entre os métodos contraceptivos mais conhecidos destacam-se a camisinha masculina com 17,5% das respostas, o anticoncepcional oral, 16,3%, seguido do injetável com 11,1% das respostas. A pílula do dia seguinte 12,8% das respostas também foi indicada como anticoncepcional. Constatou-se ainda que 67,8% dos universitários fazem uso de um método contraceptivo em todas as relações sexuais. O uso correto da camisinha masculina ou feminina foi indicado como um método eficaz de anticoncepção e prevenção de uma DST em 93% das respostas. Quanto aos métodos contraceptivos de escolha dos universitários verificou-se que 41,9% deles escolheram camisinha masculina e 37,6% o anticoncepcional oral. Podemos verificar nestes dados, que muitos dos universitários da pesquisa ainda não utilizam métodos anticoncepcionais em sua prática cotidiana tendo em vista ou o comportamento afetivo-amoroso nessa fase da vida, ou um relacionamento mais estável, que os leva a não sentirem necessidade de negociar o uso de preservativo, havendo uma suposta confiança mútua entre os parceiros. Palavras-chave: Métodos contraceptivos; universitários; conhecimento; informações.
Abstract: The concern about contraception and birth control is old. However, effective methods emerged only from the 1960s. The young people population represents a group of highly expressive population, which requires effective actions of social institutions and public policies so as to minimize their Sexual Transmitted Diseases vulnerability, pregnancy and early parenthood, ensuring protection and integrated care. Despite the access to information and the dissemination of methods of contraception among young people, it is proven that these still do not cover the whole population. This fact is observed by use or misuse, justified by casual sex life, by the lack of planning of sexual conduct, by incorrect information and fear to take over their sexuality. The objective of this study is to identify the level of knowledge of Faculdade Minas Gerais college studentes about contraceptive methods. It’s a descriptive study, through the application of previously prepared questionnaires. For the statistical analysis of the data, these were transported to the Excel program for Windows and later subjected to descriptive analysis, through simple percentage, charts and graphs. 301 college students participated in this study. It was observed that the beginning of sexual activity took place between 16 and 18 years for 45.8% of them. The main source of information about contraception was the school to 15.7% of the respondents, followed by friends and television in 14.5% of responses and by mothers in 13.3%. Among the best-known contraceptive methods, the condom male appears in 17.5% of the responses, oral contraceptive in 16.3%, followed by injectable in 11.1%. The morning-after pill in 12.8% of the responses was also nominated as contraceptive method. It was also found that 67.8% use contraceptive methods in all sexual relations. The correct use of male or female condom was nominated as an effective method of contraception and prevention of a STD in 93% of the responses. Regarding to the students preference about contraceptive methods, it was verified that 41, 9% of them prefer the male condom and 37,6% the oral contraceptive. Keywords: Contraceptive methods; college students; knowledge; information.
Palavras-chave: Métodos contraceptivos
Universitários
Conhecimento
Informações
CNPq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::SAUDE COLETIVA::SAUDE PUBLICA
Idioma: por
País: Brasil
Editor: Universidade de Franca
Sigla da Instituição: UNIFRAN
Departamento: Pós-Graduação
Programa: Programa de Mestrado em Promoção de Saúde
Citação: BICALHO, Elizaine Aparecida Guimarães. Informações sobre métodos contraceptivos por universitários. Franca, 2013. 49 f. Dissertação (Mestrado) - Universidade de Franca. 2013.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: https://repositorio.cruzeirodosul.edu.br/handle/123456789/952
Data do documento: 6-Set-2013
Aparece nas coleções:Mestrado em Promoção de Saúde

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Elizaine Aparecida Guimaraes Bicalho.pdf838.47 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.